Check in online para hotéis: como simplificar a entrada e saída do hóspede

por | Mar 8, 2019 | Gestão hoteleira

O check-in e o check-out acontecem tradicionalmente na recepção do hotel, mas com a necessidade de simplificar processos, o check-in online tem se tornado prática comum na hotelaria.

Normalmente, o check-in é feito entre às 12h e 14h. O problema é que, tendo um horário definido, muitos hóspedes chegam no mesmo instante, atrasando os processos operacionais na recepção e causando filas.

Os recepcionistas precisam verificar documentos, o número da reserva, preencher a ficha de registro do hóspede, revisar as informações preenchidas, fazer cópias e por aí vai…

O que era pra ser o começo de uma ótima viagem, se torna um estresse tanto para o hóspede quanto para a equipe do hotel.

Por isso o check-in online é tanto uma alternativa para simplificar o processo de entrada do hóspede, quanto para aumentar a produtividade na recepção.

Como aplicar o check-in online em hotéis?

O check-in online pode ser aplicado no hotel de várias maneiras. O jeito mais simples é por um formulário online.

O hóspede pode preencher a ficha digital, parecida com a Ficha Nacional de Registro de Hóspedes (FNRH), no site do hotel e depois validar a reserva na recepção, em uma fila separada e mais ágil. Veja no exemplo abaixo o formulário online disponível no site do Hotéis & Resorts Mabu:

Uma dúvida frequente do viajante é “quais os procedimentos padrão de check-in e check-out no hotel”. Dependendo do estabelecimento, documentos diferentes podem ser solicitados no check-in e se o viajante não estiver preparado pode atrasar toda a operação.

Por isso, uma das formas de facilitar os procedimentos de entrada e saída do hóspede é disponibilizando uma página “FAQ” no site do hotel, como no exemplo abaixo do Best Western PLUS Premium Inn Hotel & Casino, na Bulgária.

A ideia é ter todas as informações necessárias para o check-in e check-out em uma única página da web, simples e objetiva, para evitar problemas e perguntas repetitivas no front desk.

Caso você não goste da ideia de uma página FAQ, tenha disponível no seu site alguma plataforma de atendimento online, para tirar as dúvidas do hóspede antes da estadia. O atendimento pode ser feito através de chats online ou automaticamente via chatbots.

Para agilizar ainda mais o processo, grandes redes de hotéis adotam tecnologias de check-in para digitalizar e automatizar esse serviço. Veja os exemplos abaixo:

Check-in mobile para hotéis

Uma tendência tecnológica para hotéis é o uso de aplicativos mobile para agilizar a entrada do hóspede, o check-in mobile, normalmente utilizados por grandes redes hoteleiras.

Nesses casos, o smartphone do viajante também se torna sua chave digital, que pode abrir a porta do quarto por tecnologia Bluetooth. No exemplo abaixo, os hotéis Marriott disponibilizam a tecnologia de check-in mobile somente para membros do programa de fidelidade.

Além disso, muitas empresas hoteleiras também deixam o hóspede escolher o próprio quarto dentro da mesma categoria. Por exemplo, o viajante pode optar por uma vista para o mar ou para um parque. Ainda, o horário de check-in é personalizado e gratuito.

O aplicativo também pode trazer informações de serviços, amenidades e opções de almoço, como um concierge digital. 

Quiosques de Check-in Automático na recepção do hotel

No mercado hoteleiro, também existem terminais de check-in automático, que ficam na recepção do hotel e permitem que o hóspede pule todas as etapas tradicionais de check-in.

Em algumas propriedades da Marriott International, a maior rede de hotéis do mundo, os terminais automáticos funcionam por reconhecimento facial. O piloto foi testado em julho do ano passado em dois hotéis do grupo na China.

De acordo com o release oficial da empresa, o processo tradicional de check-in dura cerca de 3 minutos, mais quando em horário de pico. A maior parte desse tempo é perdida em filas de espera nas recepções.

Com a adoção da tecnologia de reconhecimento facial, o processo de check-in é completado em menos de um minuto. O hóspede só precisa escanear seu documento de identidade, tirar uma foto e adicionar as informações para contato no terminal.

Depois de passar por todas essas etapas, sua reserva é validada no sistema do hotel e o terminal automaticamente imprime uma chave de hotel em formato de cartão.

A máquina foi criada em parceria com a Joint Venture, o consórcio de empresas do maior grupo de comércio eletrônica da China, o Alibaba, empresa dona do site AliExpress.

Simplificando o Check-out do hóspede

Como temos a tendência de lembrar com mais clareza os últimos momentos de uma viagem, é importante fechar a estadia do hóspede com chave de ouro.

O check-out é sua última chance de encantá-lo, porque depois que o hóspede for embora, é dever da equipe de marketing do hotel manter o contato pós-estadia, seja através de campanhas de email marketing segmentadas ou quaisquer outras estratégias.

Todos os processos mencionados acima para agilizar o check-in do hóspede também podem ser usado no check-out. Em alguns casos, com a devida autorização do hóspede, é possível fazer o Check-out Expresso.

Basicamente, o hóspede não vai precisar passar pela recepção para pagar a conta, pois vai receber a fatura por e-mail. É só deixar a chave em cima do balcão e pronto! Esse é um dos benefícios para viajantes que participam do clube de fidelidade da Accor Hotels.

Essa é uma alternativa muito importante para aqueles hóspede que estão sempre em cima da hora e cujo horário de vôo é perigosamente próximo ao do check-out no hotel.

O viajante corre o risco de perder a hora na fila da recepção e ter que pagar por mais uma diária fora de planejamento – isso se ainda tiverem quartos disponíveis.

Por isso, não se esqueça do check-out e faça da saída do hóspede a mais rápida e simples possível!

Conclusão

Então, com quais ações o seu hotel trabalha para simplificar a entrada e saída do viajante? Não se esqueça que, além de aumentar a satisfação do hóspede, também é um processo para otimizar a produtividade na recepção do hotel.

Além disso, não é desperdiçado tempo em filas e evita o tédio que é para os recepcionistas em repetir as mesmas informações 1 milhão de vezes por dia. Com o check in online, todo mundo sai ganhando no hotel! 😉

Gostou deste post? Compartilhe nas redes sociais!

Social Media

LinkedIn
Facebook
Instagram

A nova estratégia do Revenue Management na hotelaria

O revenue management na hotelaria, traduzido para “gestão de receita”, é um conjunto de técnicas para maximizar a rentabilidade do meio de hospedagem.  O RM não é fruto da...

Juntos, humano e robô no atendimento em hotelaria

A inclusão de robôs no atendimento em hotelaria causa receios. Muitos hoteleiros se sentem em um filme de ficção, com o perigo iminente da dominação das máquinas e da eliminação...

Multicanal e Omnichannel na hotelaria: o que é e como funciona na prática

Omnichannel é uma palavra que poucos conhecem e muitas vezes confundida com o termo “multicanal”, ou multichannel. Falar sobre uma experiência multicanal e omnichannel na...

EHL: O que podemos aprender com a melhor Escola de Hotelaria do mundo

Você sabe qual a melhor faculdade de hotelaria do mundo?! Na Suíça, a Escola Hoteleira de Lausanne recebeu o título de melhor faculdade na categoria de Gestão Hoteleira &...

5 sistemas hoteleiros para organizar seu hotel ou pousada

Os sistemas hoteleiros nada mais são do que ferramentas de auxílio, para um setor que demanda velocidade e assertividade em cenários que estão constantemente evoluindo. Com eles,...

A plataforma n°1 em atendimento inteligente omnichannel para hotéis, pousadas e resorts.

Ligue para nossos consultores:

Seg à sex das 08:30 às 18:30h
(048) 3209-1004
(048) 3209-0974

APOIO