Ops! Não encontramos o que você procura.

Mas encontramos estes versos

“Pelo deserto laranja o robô peregrina
A procura de uma sombra para dormir
Quando lá no horizonte algo se aproxima
Já não é mais hora de desistir!

Seria um oásis vindo ao seu encontro?
Por um momento é ofuscado pelo seu brilho
Mas era apenas uma página em branco
E agora o robô deve retomar o seu caminho”