por
mar 8, 2018 | Chatbot | Reading Time: 2 minutes

Quatro grandes empresas brasileiras trabalharam juntas na concepção de um projeto pioneiro no país. O Bradesco/ShopFacil.com, Visa, Facebook e Smarters desenvolveram o primeiro chatbot transacional no aplicativo Messenger do Brasil, e com resultados fantásticos.

O pontapé inicial foi dado pela Visa e pelo ShopFacil, que se uniram para “dar vida” ao chatbot. A função principal do robô é interagir dentro da plataforma do e-commerce do ShopFacil a fim de estreitar esse elo que há entre a marca e o seu público-alvo e, também, concluir o processo de compra dentro do próprio Messenger.

O chatbot propõe a ideia de estar próximo do seu potencial cliente no dia a dia, ofertando conforto na hora de realizar sua compra e tirar todas as dúvidas referentes aos produtos desejados.

No início, o projeto funcionava mais como um buscador de produtos e recomendava ofertas baseadas no perfil do usuário, com os 4 personal shoppers, que têm dentro do chatbot. Até que então, a marca decidiu integrar tudo e fazer com que a transação completa da compra acontecesse ali mesmo dentro do Messenger, usando como método de pagamento exclusivo o Visa Checkout.

As características da plataforma, por sua vez, fornecem todo o conforto que o cliente pode imaginar: ele pode interagir com o personal shopper no momento que tiver tempo livre, a hora que desejar, e sem ter que acessar links externos para finalizar o seu pedido.


Os resultados obtidos não poderiam ser diferentes: a redução de custos é uma delas, não deixando de mencionar a transformação da experiência do cliente em algo muito mais imersível e agradável.

Afinal, com o chatbot as respostas ao atendimento passam a ser instantâneas, 24h por dia, sem filas de esperas.

Resultados

O crescimento é notório e bastante animador, já há mais de 50 mil usuários, e quase 1 milhão de interações no chatbot. O índice de conversão está em torno de 3,4%, praticamente o triplo do que se espera hoje em dia no mercado de e-commerce.

“Aos poucos, a gente vai entendendo o comportamento do consumidor e vamos colocando mais facilidades no meio do processo”, conclui Carla Mita, Superintendente do ShopFacil.com.

O que anima, de fato, é que um chatbot é um atendente que só melhora com o tempo. Isto é, a tendência é que esta taxa de conversão passe a ser cada vez maior, e cada vez mais o robô esteja mais assertivo nas interações.

Você ainda tem dúvidas que o atendimento por inteligência artificial é um caminho sem volta?

Leave your comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share this